Carta aberta: ser sobrevivente de violência sexual

Hoje não estaria vivo se não tivesse procurado ajuda. Demorei mais de 20 anos até fazê-lo, e na altura já tinha mais de 30, mas foi a melhor decisão que tomei na vida. A verdade é que sem o apoio especializado da Survivors Manchester teria acabado por saltar de uma ponte, para a frente de […]